Buscar
  • PM

Hawkeye: Episódio 3 Explicado, Referências e Easter Eggs

Atualizado: 6 de dez. de 2021

O episódio 3 de Hawkeye revela a união de Clint Barton e Kate Bishop, ao mesmo tempo que deixa referências ao Ant-Man, e ao KingPin.

 
 

Atenção, spoilers para o episódio!!!


A série de Hawkeye abraça o espírito natalício ao aproximar os nossos parceiros improvisados, atropelando o Pai Natal, e oferecendo aos espectadores uma nova selecção de referências que se ligam à história do MCU e aos livros de banda desenhada da Marvel. Após uma bem recebida estreia na Disney+, Hawkeye continua imediatamente onde o último episódio foi interrompido durante o interrogatório por Kate Bishop.


Agora a dupla de Clint Barton e Kate jogam basicamente à apanhada com a Máfia de fato de treino, bro. Ambos os arqueiros são prisioneiros dos mafiosos da moda, e a maior parte do episódio 3 mostra a sua dramática fuga através das ruas cobertas de neve de Nova York.


O episódio 3 serve também como uma introdução à personagem de Maya Lopez interpretada por Alaqua Cox, que é mais conhecida pelo seu nome de super-herói, Echo. A Marvel utiliza os flashbacks para revelar a dificuldade de Echo como uma criança surda na educação não-especialista, a sua capacidade de imitar os movimentos dos outros, e como o seu pai liderou a Máfia do fato de treino antes de Ronin o matar.

Vê Também: Eternals: Fim explicado e futuro da Marvel

Embora Clint Barton e Kate Bishop tenham escapado por enquanto, a implacável busca de vingança de Echo para com Ronin está longe de ter terminado, e como Kate devidamente indicou, há ainda a pequena questão do seu padrasto espadachim.


O episódio 3 de Hawkeye também é especialmente generoso em referências ao MCU e às bds da Marvel num geral. Há referências a certos Vingadores, uns teases gigantes de personagens de calibre elevado, e um maior número "leque" de setas com certos truques presentes em toda a carreira de Clint Barton.



O episódio abre com uma amostra do seu estilo de luta

gif

Durante a sequência de flashback de abertura do episódio, uma jovem Maya enfrenta os seus problemas para se manter a par de uma professora que não usa linguagem gestual para comunicar. Echo é, no entanto, extremamente inteligente, e completa o seu trabalho escolar de maneira independente e de modo dotado.


Nesta cena, a própria Maya é quem nos dá o primeiro easter egg, pois no texto que ela acaba de completar, podemos ver: "Este ano, quero aprender a lutar capoiera". Ora, a Capoeira é um híbrido brasileiro de luta/dança que os fãs da Tekken irão certamente recordar como o estilo de combate de Eddy Gordo, em que era super fácil ganhar se usássemos sempre o mesmo golpe.


Mais tarde no episódio, durante a batalha de Echo com Clint Barton, ela arremessa uns pontapés nesse estilo de luta, demonstrando que o seu objectivo na sala de aula foi inteiramente alcançado.


Este easter egg é uma clara referência à personagem das bandas desenhadas, onde Echo, é ao mesmo tempo, uma talentosa bailarina, e uma excelente praticante de artes marciais.


O Pai de Echo deixa uma alusão a Shang-Chi

O Pai de Echo deixa uma alusão a Shang-Chi

Logo após isso, vemos uma cena comovente e querida entre pai e filha, e nessa cena, o pai de Echo parece indicar mais uma referência a Shang-Chi.


Echo foi obviamente inspirada pelos dragões quando era criança, e o seu pai usou as criaturas místicas como uma comparação para a sua surdez. Como assim uma comparação? Ora, meus amigos, tal como um dragão existe tanto no seu próprio mundo como no exterior, Maya deve equilibrar o seu ambiente silencioso com uma sociedade que nunca pára de falar, o que torna esta cena por si só incrível, para termos um pouco da noção do que é o mundo para esta estas pessoas.


Ao perguntar inocentemente se os dragões são reais, o seu pai diz: "Os dragões vivem num mundo diferente". Um membro da Máfia de fato de treino provavelmente não é terá conhecimento da antiga tradição de Ta Lo, mas em Shang-Chi e A Lenda dos Dez Anéis ficou provado que dragões como o Grande Protector habitam de facto dentro de planos alternativos da realidade, o que deixa no ar a ideia interessante, de talvez no futuro, os dragões poderem invadir a nossa realidade, assim como os humanos fazem com a deles.


Será que a coruja no quarto de Echo indica um vilão a caminho?

echo hawkeye episodio 3

Enquanto pai e filha discutem dragões, uma coruja de pelúcia é destacadamente colocada no quarto de Echo. Pode não ser uma coincidência que The Owl ( A Coruja) seja um vilão da banda desenhada Marvel que, tal como Echo, tem laços com o Kingpin. (cujo falaremos mais à frente).


A Coruja é um inimigo do Daredevil, e teve a certa altura uma rivalidade com o próprio Wilson Fisk, que parece estar a ter um ponto de entrada no MCU através de Hawkeye.


Temos um relance dos seus poderes


Durante a aula de karaté, noutro flashback, da Echo, Hawkeye mostra-a a observar cuidadosamente a queda de um miúdo, antes de neutralizar perfeitamente a técnica minutos mais tarde.


Embora Hawkeye subestime a sua capacidade, Echo nos livros de banda desenhada da Marvel é capaz de copiar movimentos precisamente após um único vislumbre. Algo muito semelhante ao que vimos, por exemplo, em Black Widow, com Taskmaster. A diferença, é que Echo não precisa de ser programada, reage natural e instintivamente.



O regresso do Kingpin de Vincent D’ Onofrio?


De seguida temos um momento que me fez saltar literalmente da cadeira, e que se for mesmo quem pensou, então as coisas estão mesmo a aquecer. Na análise ao trailer de Spider-Man: No Way Home, falei que o Kingpin podia aparecer nesse filme, ou noutra hipótese na série de Hawkeye, e parece que as peças se estão a encaixar para isso.


O pai de Echo diz que o seu "tio" estará à espera depois da aula de karaté, depois uma mão misteriosa (gigante) apertar a bochecha de Maya, fazendo com que esta se risse. Para além disso, esta personagem misteriosa também utiliza os típicos fatos janotas que vimos Fisk fazer na série da Netflix, para além de um pin na manga, algo também muito parecido à série de Daredevil.


O episódio 3 de Hawkeye continua a fazer repetidas referências a esta enigmática personagem, que Clint Barton revela ser o verdadeiro mestre por detrás da Máfia do fato de treino.


O homem em questão é quase garantido ser o Kingpin do MCU - Wilson Fisk para a sua mãe. Na banda desenhada, o pai biológico de Echo morreu por ordem do Kingpin, mas Fisk adotou a órfã, criando-a como uma combatente de elite. Algo muito semelhante teve evidentemente lugar no mundo do MCU.

fat man hawkeye episodio 3

Mais à frente vemos mais um easter egg para o Kingpin. Logo após estabelecer Kingpin como o líder da Máfia de fato de treino, o episódio dá-nos mais uma referência a Fisk. Na cena em que vimos Echo já mais velha e a chegar na sua mota à sede do pai. A oficina em questão é visivelmente rotulada como "Fat Man Auto Repair".


O Kingpin obviamente não é conhecido pela sua estrutura esguia, e "Fat-Man" tem sido usado como outro apelido para Fisk na banda desenhada da Marvel. Se o Wilson Fisk do MCU comanda verdadeiramente a Máfia dos fatos de treino, faz sentido que chamem a uma das suas frentes de " Fat Man".


A mão de sangue na cara, é uma referência às BDs

Ao morrer da lâmina de Ronin, o pai de Echo despede-se da sua filha e toca-lhe gentilmente no rosto com uma mão ensanguentada, deixando uma marca de sangue no seu rosto. Esta imagem brutal deriva diretamente da história da banda desenhada de Echo, onde uma Maya muito mais nova também ficou marcada pelo toque do seu pai a morrer.


Como uma vigilante adulta, Echo pinta uma mão branca no seu rosto como lembrança desse dia trágico. Hawkeye antevê este momento na cena em que pai e filha falam dos dragões no seu quarto, onde vemos uma pintura de uma mão azul na parede do quarto da jovem.


Black Widow matou o Ronin

gif

Uma vez que Echo está desejosa por vingança, a Máfia de fato de treino quer saber a verdadeira identidade de Ronin e o seu paradeiro atual. Apesar do seu secretismo colocar Kate Bishop em perigo iminente, Hawkeye ainda não admite que ele era de facto o misterioso Ronin.


Em vez disso, Barton afirma que a Viúva Negra matou o ninja, e que ele "estava lá" quando isso aconteceu. De um certo ponto de vista, Clint não está a mentir. Depois de perder a sua família para Thanos, Clint Barton adotou o manto de Ronin, mas o nobre sacrifício da Viúva Negra em Vormir obrigou-o a retirar esse manto e a voltar a ser o arqueiro favorito de toda a família. Assim, tecnicamente falando, a Viúva Negra matou o Ronin, e o Hawkeye estava presente na altura.


Bom jogo de palavras Clint, bom jogo de palavras.


Um carro diretamente das comics


Os dois primeiros episódios da série Hawkeye foram inspirados na banda desenhada de Matt Fraction de 2012, e o aparecimento de um Dodge Challenger vermelho dos anos 70 no episódio 3 fornece mais uma ligação.


Nessa comic, Hawkeye compra um Challenger, mas mais tarde destrói-o durante uma perseguição com a Máfia dos fatos de treino. O carro de Echo em Hawkeye é quase idêntico ao do Clint, e a sua rejeição em roubar um veículo tão bonito presta homenagem ao seu gosto a automóveis no material de origem. Tal como na BD, o Dodge Challenger é destruído de qualquer forma. Que é o momento mais triste da série! Vá, talvez não.

hawkeye episode 3

Mas não é apenas o Dodge Challenger de Hawkeye que vem da série de banda desenhada de 2012 - toda a perseguição de carros adapta uma cena clássica da BD. Nesse livro, Kate Bishop conduz o Challenger enquanto Clint Barton dispara setas contra a Máfia dos fatos de treino, e embora os papéis sejam invertidos no MCU, o cenário é de resto idêntico à versão gráfica.


Ambas as versões da sequência de perseguição também apresentam quantidades generosas de setas especiais e culminam com um amontoado de carros e gente numa ponte.


Setas para todos os gostos

gif

Na sequência de perseguição de carros, a aljava de Clint está cheia de novos truques que ainda não tínhamos visto no MCU. Cinco destas setas são inspiradas diretamente pela perseguição da banda desenhada mencionada anteriormente - vemos setas que criam uma certa gosma, uma de cabo, uma de fumo, uma de sucção e sem esquecer as ácidas.


A seta do cabo é um pouco mais sofisticada, disparando várias cordas e fixando-se em cada árvore de Natal, enquanto a seta ácida faz exatamente o que o nome indica. A seta de gosma deixa o retrovisor coberto naquela viscosidade, e tal como a bomba de fumo, o roxo predomina. Finalmente, a seta de ventosa que Kate considera inútil (antes de lhe salvar a vida) também faz parte do arsenal de Hawkeye na BD.


O Hawkeye tem o seu próprio Ant-Man agora

gif

Hawkeye revela de seguida que Clint Barton possui agora setas carregadas com partículas Pym, cortesía de Ant-Man. Tal como o seu companheiro Vingador, isto significa que o Hawkeye pode aumentar (e presumivelmente reduzir) os objectos a que dispara - neste caso uma das setas normais de Kate Bishop.


As setas USB


Mas ainda temos mais uma seta especial. Pensavas que o Hawkeye tinha acabado com as setas com truques? Enganaste. Como golpe final, Clint retira mais 2 setas da sua aljava - ambas as quais fizeram aparições passadas no MCU em 2012, mais precisamente em The Avengers.


A flecha USB com que Kate "ameaça" a Máfia de fato de treino foi disparada por um Hawkeye sobre o efeito de possessão de Loki, através da Mind Stone, e que o viu invadir o sistema da helicarrier da SHIELD.


Também vimos Clint a utilizar esta seta na série animada de What if...?, onde utilizou o método para introduzir um vírus em Ultron.



Mais uma pose! Só querem estes heróis

hawkeye

A Black Widow é conhecida por ter a sua pose de super-herói ao aterrar num joelho e a atirar o cabelo para trás de maneira sensual, mas Clint Barton vence a sua melhor amiga em termos de originalidade com uma pose própria.


Saltar de uma certa altura e disparar uma seta assim que se vira. Este é um truque que Hawkeye usa nos livros de banda desenhada da Marvel, nos Vingadores, e em What If...?, mas desta vez ele leva Kate Bishop a dar uma volta. (Literalmente)


Espero que no futuro possamos ver uma conversa que Kate Bishop e Yelena Belova sobre qual dos seus mentores tem a melhor pose.


Kate Bishop desenha o traje clássico de Hawkeye


Nos outros episódios, a Kate Bishop tocou na ferida de o porque ninguém querer saber muito sobre este herói, ao apontar que a sua marca é o seu maior problema.


Ela tenta remediar isso no episódio 3, desenhando um potencial novo desenho num guardanapo de restaurante, que Clint Barton imediatamente abate a ideia por parecer ridículo. Curiosamente, o fato que Kate esboça é o clássico desenho de banda desenhada de Hawkeye, com máscara nos olhos e um "H" na testa.


Jeremy Renner nunca usou o traje tradicional da sua personagem no MCU, e esta cena sugere que provavelmente nunca o fará. Mas, a Fase 4 da Marvel está a provar uma coisa, quase todos os heróis vestem o traje original das comics a algum ponto. Tanto Wanda na festa de Halloween, como o fato de Capitão América do Falcon.


Uma empresa de segurança? Ou algo mais?


Na parte final do episódio, vemos Clint e Kate a “invadir” a casa gigante da mãe de Kate, e que Clint faz notar que talvez tenha andado no negócio errado. Não te julgo Clint.


Ao hackear a empresa de segurança da sua mãe, Kate Bishop descobre que Kazi está registado como empregado da "Sloan LTD" e Hawkeye faz questão de mencionar como este nome lhe soa familiar.


Isto pode ser atribuído a Willy Sloan - um dos capangas do Kingpin, que apareceu na edição de 1982 do The Spectacular Spider-Man #67. Assumindo que Kingpin é o chefe da Máfia de fatos de treino no MCU, faz sentido que os seus capangas possam ter empresas de fachada registradas nos seus nomes.


Olá Jack!

hawkeye jack

O episódio acaba com Clint a ouvir certos barulhos, (a diferença que faz um aparelho), e segue para investigar, quando surpresa, surpresa, é o futuro padrasto que Kate que o cumprimenta com uma espada ao pescoço, e espada essa que é bastante familiar a Clint, visto ser a espada que ele usou enquanto Ronin, para destruir o submundo do crime em Nova York.


A questão aqui é, será que Jack e Clint já se conhecem? Algo misterioso está no ar quando estes dois cruzam os olhares, o que quererá dizer que algo mais poderá haver daqui do que nos apercebemos.


E assim chego ao fim a análise ao 3º episódio de Hawkeye. Gostaste do episódio? diz-me nos comentários, e se tiveres alguma teoria, já sabes, partilha comigo.


Se preferires, podes falar comigo através do twitter do @tretasdocromo sobre isto ou qualquer coisa sobre a DC, Marvel, The Witcher, Star Wars, ou outros temas geeks, "a porta" está aberta.

 

Sobre o autor do artigo:

Geek a tempo inteiro, PM é o fundador do projeto Tretas do Cromo. Podes segui-lo no Instagram em @senhor_pm, no twitter em @senhor_pm ou no facebook em @senhorpm.

 

O teu apoio ajuda a manter o site online, podes ajudar com uma das seguintes opções: